Polícia Civil informou que houve confronto entre Vitor Rodrigues da Silva, de 22 anos e a equipe que fazia buscas na mata.

foragido Vitor Rodrigues da Silva, de 22 anos, foi morto pela Polícia Militar na tarde desta quinta-feira (2). A Polícia Civil informou que o preso entrou em confronto com a equipe que fazia buscas na região do Jalapão, entre Ponte Alta do Tocantins e Pindorama.

Silva é um dos 18 homens que conseguiram fugir da Cadeia Pública de Miranorte no último domingo (29). Até o momento, 11 foram recapturados, um morreu e seis seguem foragidos.

O Hospital de Pequeno Porte de Ponte Alta informou que o foragido Vitor Rodrigues chegou a ser levado até a unidade, mas não tinha sinais vitais quando chegou. Os PMs que trocaram tiros com o suspeito levaram ele ao local na viatura.

O corpo do fugitivo foi levado para o Instituto Médico Legal de Porto Nacional. A necropsia será feita durante a noite e depois o corpo será liberado para a família.

O caso

Esta quinta também foi o dia em que outros quatro foragidos se entregaram, segundo a Secretaria de Cidadania e Justiça. Eles foram até o fórum de Miranorte e se apresentaram. Os presos que se entregaram são: Ialas do Nascimento Oliveira, de 19 anos, Wemerson Dias Sobrinho, de 24, Denys Andrade Fagundes, de 24, e Wilker Alves Ribeiro, de 22 anos.

No último domingo, 18 detentos escaparam da cadeia de Miranorte pulando o muro. Para fugir, eles fizeram uma rebelião e atacaram os agentes penitenciários que estavam no local. Um dos agentes sofreu escoriações no pescoço e uma mordida nas costas e foi levado para o hospital da cidade, mas recebeu alta durante a tarde.

Os presos escaparam levando armas e uma viatura do sistema prisional. O carro foi abandonado na zona rural de Miracema.

Informações G1 Tocantins